domingo, 7 de novembro de 2010

"Menina linda do olhar acanhado,
da boca gostosa e do sorriso encantado,
menina linda da pele macia,
do cheiro de baunilha e do toque apegado,
menina triste do coração partido,
do medo retido e da preocupação exclamada,
menina do bairro,
da mente confusa e do comportamento efusivo,
menina mulher,
mulher inteligente, abrangente e mesmo assim inconsequente,
inconsequencia essa que fez brotar,
os sentimentos mais belos mesmo sem ter qualquer intenção de usufrui-los,
mulher menina,
da respiração descomposta, da perna grossa e da indiferença tardia,
indiferença mulher, que trás a ti um charme nostalgico,
do tempo que ser dificil era afrodisiaco,
afrodisiaco que leva a vida,
que mesmo que não seja bonita ainda necessita de magia,
magia mulher, que com teus encantos tudo ganha nova dimensão,
na imensidão do universo e disso que chamamos de amor."


a maioria sabe que gosto de escrever... eu tenho centenas de poemas e pseudo poesias no pc.. mas nunca acho que ficou bom portanto nunca partilho com ng..

mas gostei dessa... e resolvi partilhar com vocês..

fiz agora pouco..

:)

;@@@

2 comentários:

  1. muuito perfeito, mas ficaria muito mais feliz se publicasses tudo que escreves :)
    bjo Sil*-*

    ResponderExcluir